fbpx

Nichos de atuação: Saúde

Blog

Nichos de atuação: Saúde

 

A mediação é um procedimento alternativo de solução de conflitos no qual os mediados (partes) trazem a si o poder de decisão a respeito da questão em controvérsia, com a intermediação de um mediador independente e neutro, auxiliando-os a restabelecer a comunicação produtiva e objetiva na busca da satisfação dos seus reais interesses almejando soluções criativas e mutuamente satisfatórias.

Essa metodologia diferencia-se justamente porque preconiza a (re) abertura de um diálogo qualificado, respeitoso e assertivo, identificando e focando nas verdadeiras necessidades das partes, incentivando o comportamento colaborativo, afastando as barreiras criadas pela disputa e facilitando o restabelecimento das interações.

Por ser um instituto mais adequado para os conflitos em que há relações continuadas, pode ser facilmente aplicado a diversas áreas: empresarial, família, consumo, trabalho, societárias, escolar, saúde.

No setor de saúde o campo de aplicação da mediação é extremamente vasto e certamente a mais adequada para gestão de conflitos. Os ambientes hospitalares envolvem muitos atores responsáveis por diversos  e complexos processos que podem desencadear diferentes problemáticas exigindo rapidez nas soluções, e nesse contexto, é possível a participação na mediação de todos os participantes de uma relação seja médicos, gestores, terceirizados, fornecedores, laboratórios, clínicas, empresas diversas, pacientes, familiares, operadoras de seguros, planos de saúde, entre outras.

Para atuar em nichos específicos como o da saúde, é importante que o mediador, além da formação técnica em mediação, tenha especialização na área ou familiaridade com o vocabulário e protocolos característicos dessa área para garantir um bom trabalho e boa interação com os envolvidos.

Na mediação privada em ocorrências de saúde a parte se beneficia não só da rapidez do procedimento e redução dos custos, além disso é altamente recomendável nesses casos porque auxilia no componente emocional – muito presente em ambientes hospitalares – em que as partes geralmente se encontram em um momento delicado e carecem de serem ouvidas e acolhidas.

Daí a importância de gestores hospitalares implementarem departamentos de gestão de conflitos dentro dos hospitais, com mediadores especializados, como excelente instrumento de administração de controvérsias diretas – entre colaboradores –  e indiretas – entre usuários e o hospital/outros,  resultando em melhoria efetiva do ambiente de trabalho e do atendimento humanizado aos usuários garantindo a qualidade e satisfação dos participantes da mediação.

 

Tathyana Gomide

Mediadora, Ceo Mediei

Blog

Assine nossa newsletter

Preencha seus dados e receba novidades da mediei


Mandar mensagem
Olá !
Podemos te ajudar ?
Powered by